Ocorreu um erro neste gadget

quinta-feira, 29 de abril de 2010

Felicidade por meio da mansidão


Deus não faz acepção de pessoas. Cada um de nós recebe sua justa partilha de felicidade. Cada um de nós tem idêntica capacidade de entrar em contacto com Deus. Não devo manter-me atrás, lamentando minha falta de sorte e o destino adverso que me coube na vida.

Antes, compete-me conectar-me com a fonte de energia. Que os leitores tomem sobre si mesmos o jugo de Cristo e suave encontrarão

´´descanso para as [suas] almas``.

Mas jesus ordenou: ´´tomai sobre vós o meu jugo .`` O jugo é dele e estou certíssima de que ele carregará a parte mais pesada da carga.

Antes de deixar seus discípulos, Cristo prometeu que enviaria o Consolador, a fim de ajudá-los e em suas provações, dificuldades na vida Essa palavra, Consolador, quer dizer´´alguém que estar al lado de``. Trata-se do Espírito Santo, a onipotente terceira pessoa da Trindade. No momento que nascemos de novo, ele vem fixar residência em nosso coração.

Aceitamos essa realidade como um fato de fé! Ele está em nosso coração , com o propósito de ajudar-nós a ser mansos!
Som os informado de que o Espírito derrama o amor de Deus em nossos coração. Ele é quem produz os vários aspectos do fruto do Espírito: ´´... o amor. o gozo , a paz, a longanimidade, a benignidade, a bondade, a fidelidade, a mansidão , o domínio próprio´´(Gálatas5.22,23, VR).




Nenhum comentário:

Postar um comentário